Arquivos de: 02/2018

Em 02/02/2018

Edital Boca do Céu 2018 – Resultado

Olá a todas e todos que se inscreveram no Edital Boca do Céu 2018!

Foi muito bom escutar e ver vocês!

Tivemos inscrições de muitos estados brasileiros, o que nos alegrou e honrou com vozes e histórias bastante diferentes, numa variedade calorosa e vibrante, que nos fez aprender demais sobre o momento atual da Arte de contar histórias em nosso país.

Pena que alguns (poucos) vídeos não abriram, inviabilizando a participação de algumas pessoas.

Antes de apresentar a lista dos selecionados e a lista de espera, queremos:

– Em primeiro lugar mostrar a vocês os critérios empregados para observarmos e selecionarmos – ai, que difícil!- os vídeos enviados por vocês.

– Em segundo lugar, informar que as pessoas que não estão nas duas listas receberão uma mensagem DA EQUIPE DE SELEÇÃO.

– Em terceiro lugar, para os que ainda não sabem, essa é a segunda edição do Boca do Céu em que abrimos o Edital. Desde o início de nossa história tínhamos uma certa frustração pelo fato de o desenho do Encontro e os recursos financeiros disponíveis terem sempre limitado o número de contadores convidados. Veio daí a ideia do Edital em 2016: conseguimos receber, então, contadores em novos espaços e horários, que surgiram da necessidade que tivemos de encontrar lugares para suas apresentações. Assim, expandimos e abrilhantamos a programação com a presença generosa desses contadores e contadoras, a quem agradecemos eternamente.

E finalmente, mas não por último, queremos agradecer a participação de vocês, desejando fortemente que as pessoas ausentes das duas listas não desanimem! Saibam que serão sempre bem-vindas nas atividades dos próximos Encontros Boca do Céu.

Um abraço de até breve!

Equipe Edital Boca do Céu 2018

PS – Qualquer dúvida, pergunta, questão, crítica, incentivo ou chamego não hesitem em nos contatar no e-mail edital@bocadoceu.com.br

 

Os critérios de seleção basearam-se no seguinte roteiro:

Primeira escuta – Disponibilidade

Preparar-se para escutar.

Abrir os ouvidos e os olhos para receber todas as impressões que vierem em primeiro lugar de tudo o que você está vendo e ouvindo.  Procurar, nesta primeira escuta, não se deixar levar por aquilo que você já sabe. Apenas registrar as percepções.

Segunda escuta – O que você vai observar

1. A história
Qual o tipo do conto: tradição oral (conto popular, maravilhoso, cordel, causo) ou conto de autor. A pessoa diz de onde tirou esse conto?

2. Os recursos internos 

Para onde o contador está olhando enquanto narra?

É visível o seu contato com o público (real ou virtual)?

A intenção aparece no modo de contar?

Com seu modo de narrar a pessoa nos convida a escutar?

A pessoa está dentro da história?

Parece que ela quer mostrar o que sabe em vez de passear dentro da história?

Quem aparece em primeiro plano: a performance da pessoa que narra ou a história?

É possível perceber a marca pessoal da pessoa que narra ou tem- se a impressão de que já escutamos muitas narrações “iguais” a essa?

É possível observar um uso acentuado de clichês na forma de narrar dessa pessoa?

Modo de dizer – A voz é melodiosa ou monocórdica? Há vivacidade na voz? Há clareza no modo de pronunciar as palavras?

Ritmo da narração – Observe a respiração, as pausas e se a pessoa tem a história na mão do começo ao fim, se ela nos leva com ela para dentro desse ritmo, dessa respiração.

O corpo no espaço – Presença da pessoa no seu corpo, qualidades gestuais, vivacidade, desenhos dos gestos no espaço, naturalidade dos gestos, precisão, a fluência do movimento em harmonia com a voz, economia ou exagero.

Construção da forma narrativa – Pesquisa de começos, finais, encadeamento e clareza da forma. 

3. Os recursos externos

Elementos cênicos, objetos, instrumentos musicais, cantigas, bonecas, acompanhamento musical etc. Esses recursos parecem úteis para a narração, estão em harmonia com a narração, ou soam falsos ou inúteis?

LEMBRETE
Exercite sua capacidade de síntese e a sua intuição. Pergunte-se e responda sem pensar:
– Este contador me convenceu.
– Este contador não me convenceu.

O roteiro acima tem como finalidade oferecer algumas pistas para você aprender a refinar sua percepção .

 

Confira aqui a lista de selecionados para o Edital Boca do Céu 2018.

saiba mais